MASSAS PISSANI "COLLEZIONE ALBA 2017"

por Luis Guilherme Zenga.

07/05/2017 16:27:00
 
ALBA: a coleção 2017 das massas artesanais Pissani, homenageando os artesãos de seu ateliê, o chef Carlos Pissani desenvolveu 11 sabores para a nova temporada que são irresistíveis
 
O lançamento foi no Iate Clube de Santos em Higienópolis - São Paulo, à apresentação da nova coleção de massas da Pissani. Uma experiência gastronômica única e especial, onde as massas desenvolvidas pelo chef Carlos Pissani em Avant-premiere Nuova Collezione Alba 2017 foi degustada em uma das casas mais charmosas e elegantes da grande São Paulo.
 
zenga1.jpg
 
Seguindo a tradição de lançar a cada ano uma coleção de massas com temática definida, a Pissani homenageia nessa temporada, a equipe de produção do atelier com a linha Alba, que em português, significa Alvorada. 
 
Com 11 novos recheios, a coleção de massas recheadas divide-se em seis categorias: queijos, vegetais, carnes, frutos do mar e peixes, frutas e doces que, somadas as massas que ano a ano são sucesso no cardápio – chamadas de clássicas , totalizam 40 sabores e consolida-se como o menu de massas mais completo do País.
 
O chef enfatiza que as texturas e os sabores combinados são o verdadeiro destaque da coleção Alba. Eleitos para compor a seleção das massas estão os recheios Capriccio  Mattina, de queijo tipo francês Reblochon e tâmaras maturadas em vinho do Porto, o Cucchi, com Emmental e presunto cru e o Delicato como uma opção suave, quase aveludada, fruto do mix de queijos e polenta cremosa com um toque de castanhas brasileiras.
 
Para agradar também os vegetarianos que não abrem mão do sabor incomparável das massas Pissani, o recheio Alba, que harmoniza cogumelos Shimeji e champingon com queijo italiano Mascarpone e mix de temperos exclusivos da casa e o Palmito Chic, que traz uma novidade sobre a clássica receita: palmito com espinafre e ervas, são as novidades da coleção.
 
Na linha de recheios com carnes, Pissani combinou costelas de gado bovino e suíno imersos em iogurte, à moda dinamarquesa e criou um ravióli inovador e com sabor diferente, o Dansk Kød. Já o Peposo traz uma típica receita de carne de italiana, mais precisamente da região de Impruneta, localizada nas colinas da região de Florença, na Itália, onde a carne é temperada com mais de um tipo de pimenta e é cozida durante horas a fogo baixo para lograr sabor e maciez.
 
Os fãs de peixes e frutos do mar também são contemplados com a nova coleção, por meio das massas recheadas com Gamberetto Twist - camarão frito ao creme de limão e temperos -, e com Primi Sardine, sardinhas selecionadas temperadas, acompanhadas de azeitonas pretas e ervas.
 
A maçã é fruta eleita para o cardápio 2017 e se apresenta equilibradamente com uvas passas e gengibre, formando o Mela Pazza. E completando a coleção Alba, o recheio doce ganha o intrigante nome de Scala Per Il Paradiso (Escada para o céu).
 
Sobre a marca: Com base nos princípios e valores da Pissani, a marca visa sempre uma maior interação com a comunidade local, realizando ações de capacitação e inclusão Social. A Pissani acredita que a Responsabilidade Social é a garantia de um futuro melhor, como empresa da área alimentícia, contribui com trabalho e renda, desde a fonte rural da suas matérias primas até empregos nos setores de distribuição e tecnologia.
 
As massas Pissani conservam o preparo artesanal em todas as etapas da produção, os ingredientes são 100% naturais e frescos sem corantes ou conservantes.
 
As matérias primas são puras, provenientes de fornecedores rigidamente selecionados. Pissani mantém elevados padrões de qualidade em todo o processamento, desde a produção até chegar à casa do cliente.
 
 
Experimente ! o prazer de provar uma autêntica "Massa Pissani" é uma experiência única e indescritível.

NOVOS RÓTULOS DE SAQUÊ PREMIUM NO BRASIL

por Luis Guilherme Zenga.

07/05/2017 14:30:00
 
A Coletânea dos novos rótulos de saquê Premium que chegou ao Brasil foi apresentado para imprensa especializada no Restaurante Kosushi no Itaim Bibi/ SP. Em um almoço degustação todos os rótulos foram degustados com os respectivos pratos fazendo uma perfeita harmonização.
 
zenga.jpg
 
 
Entre os rótulos há opções produzidas com as águas de degelo do Monte Fuji, principal montanha do Japão, e versões exclusivas elaboradas com flocos de ouro e prata
 
Assim como ocorre com outras bebidas, há saquês e saquês. No entanto, esta é uma bebida única. Cada rótulo possui características próprias com sabores, aromas e texturas individuais.
 
O "ouro líquido japonês" praticamente permaneceu no Japão ao longo dos séculos apreciado somente pelos habitantes locais, sendo pouco exportado, se considerado o seu potencial. Mas, isso mudou ao longo dos últimos 20 anos e, agora, as fabricantes estão se esforçando para compartilhar a bebida ao redor do mundo. 
 
Com estreita ligação com o povo japonês e sua cultura, o Brasil possui mais possibilidades para o crescimento do saquê fora do Japão do que, talvez, qualquer país europeu.
 
É uma bebida cujo tempo chegou. Incrivelmente puro, simples, complexo ao mesmo tempo, profundo em todos os aspectos e surpreendentemente adaptável detém grande potencial para a sua apreciação. 
 
O saquê percorreu uma história fascinante de mais de dois mil anos até chegar a essa mistura que os consumidores vêm bebendo atualmente. Esta bebida é uma das mais naturais que existem, sendo feita a partir de ingredientes básicos – arroz e água, somados aos agentes de fermentação (levedura e o fungo koji-kin).
 
Para disseminar a cultura do saquê no Brasil, a TRADBRAS, empresa focada na importação e exportação de produtos da cultura oriental, trousse essa coletânea de novos rótulos para o mercado nacional e já conquistou muitos adeptos.
 
Fabricante IDE
 
A fábrica da IDE existe desde 1700, mas no começo produzia molho shoyo. Somente a partir de 1850 começou a produzir saquê.
 
Essa linha de saquê é produzida com as águas de degelo do Monte Fuji, no Japão, que, diferentemente das outras montanhas, não possui rio. A neve acumulada durante o Inverno começa a derreter na Primavera e vai infiltrando na montanha, percorrendo todo o seu interior por milhões de anos e minando na base da formação rochosa, local onde está situada a fábrica.
 
O Cardápio servido no menu degustação da Tradbras no Kosushi elaborado pelo Chef George San foram:
 
1º. Prato - SOBA  (macarrão frio de trigo Sarraceno à base de molho oriental);
2º. Prato – Merluza ( marinada no missô);
3º. Prato - Carré de cordeiro marinado no gengibre;
4.º. Prato – Sashimis de polvo, robalo e atum);
 
5º.  Prato - Sushis de robalo com gelatina ponzu, atum, carapau, ikura com gema de codorna.
 
Saquês:
 
Fujikura 
 
É um saquê de mesa Futsuu-shu produzido com água de degelo do Monte Fuji. Está armazenado em um garrafa de 300ml e possui 16% de teor alcoólico.
Pontos de venda: Restaurante Kosushi, Restaurante RYO Gastronomia e Loja Online E-Sake.  
Preço sugerido para a venda nos restaurantes: R$150,00 a garrafa.
 
Fujinobin
 
Saquê Premium do tipo Junmai (sem adição de álcool destilado) com corpo muito bem balanceado. Sua garrafa de 360ml é uma réplica de um dos pontos turísticos mais famosos do Japão, o Monte Fuji. Possui teor alcoólico de 16%.
Pontos de venda: Restaurante Kosushi, Restaurante By koji, Restaurante RYO Gastronomia e Loja Online E-Sake.  
Preço sugerido para a venda nos restaurantes: R$500,00 a garrafa.
 
Fujinoyama
 
Saquê Premium do tipo Honjozo (com adição de álcool destilado) apresenta um sabor umami bem característico, é seco, bem equilibrado e com aroma agradável. Está disponível na garrafa de 720ml e possui 16% de teor alcoólico.                 
Pontos de venda: Restaurante RYO Gastronomia e Loja Online E-Sake.  
Preço sugerido para a venda nos restaurantes: R$400,00 a garrafa.
 
Fujiginjo     
 
Saquê super Premium do tipo Ginjo (que possui temperatura de fermentação menor e maior polimento do arroz), é uma bebida extra seco. É especial, pois até o arroz utilizado em sua produção é cultivado com as águas da Primavera do Monte Fuji. Está disponível na garrafa de 720mL e possui 16% de teor alcoólico.
Pontos de venda: Restaurante By koji, Restaurante RYO Gastronomia e Loja Online E-Sake.  
Preço sugerido para a venda nos restaurantes: R$600,00 a garrafa.
Fabricante Matsui
A Matsui foi fundada em 1726, sendo a primeira fábrica de saquê na área urbana de Kyoto. A água utilizada na produção das bebidas é proveniente do subsolo do Palácio Imperial.
 
Junmai Ougonkaku
 
Este saquê possui flocos de ouro, que enfeitam e colorem as taças, sendo um símbolo de prosperidade e fortuna. Com teor alcoólico de 14%, é da categoria Junmai (sem adição de álcool destilado).
É fornecido especialmente para o Templo de Ouro Kinkakuji. Este local é considerado uma herança mundial, sendo motivo de orgulho para Kyoto, que foi por muito tempo a antiga capital do Japão. Este rótulo foi criado em 1987 em comemoração ao Golden Pavilion Rakkei, a pedido do Templo Kinkakuji.
Pontos de venda: Restaurante RYO Gastronomia e Loja Online E-Sake.   
Preço sugerido para a venda nos restaurantes: R$450,00 a garrafa.
 
Junmai Ginjo Hakuginkaku
 
Com teor alcoólico de 15%, é um saquê super Premium com flocos de prata. Acredita-se que a bebida traz sorte na vida financeira. O rótulo é exclusivo do templo Ginkakuji.
Pontos de venda: Restaurante By koji, Restaurante RYO Gastronomia e Loja Online E-Sake.  
Preço sugerido para a venda nos restaurantes: R$650,00 a garrafa.
 
Maiko Karakuchi   
 
Este saquê, que apresenta uma característica seca de mais de 289 anos, era servido nas casas tradicionais pelas Gueixas de Kyoto. Com a classificação Honjozo (com adição de álcool destilado) possui teor alcoólico de 15%.
Pontos de venda: Restaurante Sushi Papaia, Restaurante RYO Gastronomia e Loja Online E-Sake.  
Preço sugerido para a venda nos restaurantes: R$300,00 a garrafa.
 
Maiko Genshu
 
Levemente seco, este saquê não é diluído com água, portanto possui uma graduação alcoólica mais alta, 19%, sabor e aromas mais ricos e marcantes. É classificado como Honjozo Genshu (bebida mais encorpada, com alto teor alcoólico). 
Pontos de venda: Restaurante Sushi Papaia, Restaurante RYO Gastronomia, Restaurante Minato Izakaya e Loja Online E-Sake.  
Preço sugerido para a venda nos restaurantes: R$350,00 a garrafa.
 
 
Experimente, eu adorei!

RESTAURANTE DES CUCINA "PERDIZES – SP"

por Luis Guilherme Zenga.

28/06/2016 15:04:00
 
O Restaurante Des Cucina é uma charmosa casa com a elegância de um bistrô Italiano e incrivelmente aconchegante. 
 
A decoração é de muito bom gosto, um restaurante pequeno com aproximadamente 50 lugares, o acesso é muito fácil e está localizada no bairro das Perdizes – ZO. Eu particularmente adoro essa expansão de restaurantes em bairros, você não precisa ir para os jardins para ter um bom restaurante. Nesta casa você tem uma comida excelente, muito bem elaborada e saborosíssima, existe uma grande preocupação em atender o cliente como um amigo, na verdade ele mora no bairro, nas imediações e ai está o diferencial, é visto como um familiar, talvez até como o próprio vizinho. Coisa que nos restaurantes do jardins já não acontece. Esse novo espaço gastronômico, o Des Cucina, quem assina o cardápio é o chef Serginho França o Des, que é talentosíssimo e sempre prepara grandes surpresas em suas criações. Os pratos são deliciosos, apresentação impecável. Ah! e o nome faz homenagem à rua onde os veteranos Orestes Duarte e Luis Mendes já cultivam uma clientela fiel com o Bar Desembargador.
 
l19.jpg
 
O cardápio é enxuto e ao mesmo tempo com muitas variações e a influência italiana é o seguimento da casa. Abaixo vou citar alguns pratos oferecidos no restaurante que fazem parte do cardápio do dia a dia.
 
Vamos lá! Você poderá optar por entradas como a burrata caprese, o carpaccio gratinado com shitake, funghi e azeite trufado e a polenta com ragu, funghi e fonduta de queijo brie.
 
Já as massas artesanais, são leves e finas, destaque para o fettuccine de frutos do mar, tomatinhos frescos e hortelã, o gnocchi de batata e fonduta de formaggio, rúcula orgânica e presunto, o raviolini recheado de gema de ovo, ricota de búfala e creme trufado e o ravióli recheado de maça e shimeji ao leve creme de gorgonzola doce. Os risotos de frutos do mar grelhado e de gorgonzola italiano doce, aspargos frescos e presunto cru também são ótimas pedidas.
 
Pensando em carnes, as opções também são várias, desde o assado de paleta de cordeiro que vem acompanhado de cuscuz siciliano e o magrê de pato ao molho de tangerina, gengibre e mel vem com risoto de ervilha. Do mar, as apostas são atum em crosta de gergelim, purê de batata e gengibre e o polvo grelhado com purê de curry.
 
A casa oferece aproximadamente 70 rótulos de vinhos da carta assinada pelo sommelier Fernando Moreira (Mistral) ou os drinques criados por Marcelo Serrano. Para finalizar, uma boa sobremesa, entre as opções a focaccina de goiaba com sorvete de queijos e o semifredo de mascarpone com farofa de pistache crocante e calda de frutas vermelhas, estão entre as opções de sobremesa do Des Cucina.
 
Eu estive no Des Cucina degustando as delicias que está casa oferece e começando no couvert onde é servido pães bem quentinho acompanhando a manteiga com ervas e patês deliciosos. Já na entrada eu indico duas opções irresistíveis. A primeira é mais leve e deliciosa. Insalata di rúcula, lascas de grana padano, amêndoas torradas, vinagrete e mel.
 
 l13.jpg l12.jpg
 
Muito boa essa entrada, ela é bem composta na travessa e você não precisa acrescentar absolutamente nada de temperos extras e azeite. Ela  vem exatamente perfeita para o seu jantar. Já na segunda opção e a minha favorita, o Carpaccio gratinado, shitake, funghi e azeite trufado. É simplesmente irresistível, muito bem preparado, chega a ser uma refeição de tão bem servido que esse prato é, além de ser saborosíssimo!
 
Na sequência o prato principal. Nada melhor que optar pelas massas da casa, eu vou indicar aqui duas opções. Para os mais contidos, o Ravioli recheado de maça e shimeji ao leve creme de gorgonzola dolce. Esse prato é diferente, pesquisado, atraente e muito saboroso. Já o Ravioloni recheado de gema de ovo, ricota de búfala e creme trufado é maravilhoso. O prato já atrai só pela aparência, a delicadeza na composição dos ingredientes é fantástico.
 
l16.jpg l4.jpg
 
Quanto ao sabor, eu acredito ser umas das massas que provei nos últimos tempos que mais gostei. Vale muito conhecer este prato. Finalizando a sobremesa, nem preciso citar à apresentação, sempre impecável, digna de um chef de respeito e talento.
A opção para está estação, como uma finalização perfeita, é o Semifreddo de mascapone e farofa de pistache crocante. É deliciosa, nada muito doce e suave na textura. Eu adorei!
 
ll8.jpg
 
Bom, não posso terminar essa matéria sem citar os Cocktails que provei e são muito gostosos. Vamos lá!
 
Moscow Mule – Vodka, suco de limão, açúcar, bitter de laranja, espuma de gengibre. Também o Tropical Spritz – gin, aperol, framboesa, lichia e espumante. Ah! o Robusto – Amaretto, damasco, limão, caramelo, pêssego e canela queimada. E esse também é delicioso o Caminho do Sul – Cachaça amburana, maracujá, limão, laranja e amêndoas. Entre muitas opções no cardápio de drinks, não deixe de experimentar algumas dessas criações.   
 
E no final do jantar nada mais original e saboroso que o Lemoncello com um delicioso cafezinho!  
 

DI FONDI PIZZA – "VILA MADALENA –SP"

por Luis Guilherme Zenga.

21/06/2016 17:04:00
 
A Di Fondi Pizza é uma charmosa pizzaria na Vila Madelena e com elegância de um Bistrô Italiano. Realmente você se senti na Itália, a casa é linda, muito bem decorada, com arcos, tijolos a vista dando um aspecto antigo e um verdadeiro clima de cantina. Quem assina a decoração é Nando Marmo, que incluiu espelhos e obras de arte, que tornam a casa ainda mais atraente e aconchegante.
 
859.jpg
84b.jpg 147a.jpg
 
Todo o comando da Pizzaria é realizado pelo consultor Pedro Sant´Anna, que tem uma vasta experiência em restaurantes e hotéis de alto nível. O local é de fácil acesso e está próximo da agitada Vila Madalena, e ao mesmo tempo um local tranquilo, você até consegui estacionar o seu carro na rua ao lado.   
 
A qualidade das pizzas é incrível. O cuidado na escolha dos ingredientes tem que ser único e o melhor, deste o tipo de farinha até a Mozzarella de Búfala. Segundo Pedro, todos e qualquer ingrediente é vindo de fora. "fazemos pizza de qualidade", esse é o lema da Di Fondi.
 
Nossas pizzas são feitas somente com farinhas  especiais e fermentação longa. Para as pizzas clássicas utilizamos a farinha napolitana Caputo da Itália. Ah! temos também a opção de massa com farinha sem glúten. (Schãr) da Áustria. E além do mais, damos a opção da troca da Mozzarella por Queijo sem lactose. (vegan cheese). Portanto, o que queremos é ver nossos clientes satisfeitos e felizes.
 
Segundo informações obtidas, o nome Di Fondi Pizza é uma pequena cidade, entre Roma e Nápoles, na Itália, com cerca de 40 mil habitantes. 
 
Por volta do século XIX, alguns moradores da região, vieram para o Brasil e difundiram diversos pratos de sua culinária local, entre eles, a pizza! Um destes moradores era o bisavô e a bisavó dos proprietários da casa, e que tinham como uma de suas maiores paixões a cozinha. 
 
O nome Di Fondi é uma homenagem a origem dos antepassados dos idealizadores do lugar e da cidadezinha, que enviou tantos italianos que ajudaram a disseminar um dos pratos de maior sucesso entre os paulistanos, que é a pizza! Bem interessante né?
 
Bom, eu estive degustando na Di Fondi Pizza e vou passar duas dicas imperdíveis entre muitas outras pizzas do cardápio.
 
Entrada: Búfala ao forno – Mozzarela de búfala fresca em bola envolta com massa de pizza, assada no forno e acompanhada de tomatinhos cereja e rúcula temperada. É muito criativa, deliciosa, a mozzarela ao cortar vem com uma suavidade incrível, a massa é muito leve, acompanha salada e fica uma união perfeita. Na sequência eu degustei  a Pomodorini – Com molho de tomate, mozzarella de búfala, pesto de rúcula, parmesão e tomates cereja. Além de muito boa essa pizza fica muito charmosa no prato. Na verdade a individual é o tamanho de uma brotinho, exatamente o prato e sem exageros. Você senti a diferença da massa, a leveza e o sabor são realmente especiais. Você tem a sensação de estar comendo na própria Itália, naquelas cantinas com aspecto antigo que os Italianos oferecem.  
 
A Di Fondi Pizza fica na rua Inácio Pereira da Rocha, 15 Vila Madalena
 

BAR ROCK BIKERS – MOOCA - SP

por Redação.

City Portal
08/05/2016 20:46:00
 
O Bar Rock Bikers, é estiloso, informal, diferente e apresenta uma proposta muito descolada. Fica no bairro da Mooca em São Paulo, no circuito de bares e restaurantes locais. Além de muito bem decorado, o chop é gelado, os lanches são bastante fartos e deliciosos.
 
7436a.jpg
 
Quem diz que motoqueiro não tem grandes ideias? Estes três irmãos sim, são todos motociclistas e a ideia veio dos rapazes pensarem aonde poderíamos comer um delicioso hambúrguer gourmet e fartas porções criativas e diferentes curtindo a lavagem de suas motocicletas, vendo o polimento e acompanhando a mecânica de suas máquinas. Ah! e ainda ouvir o bom e velho Rock'n Roll, tudo isso aconteceu no Bikers, onde o ambiente é próprio pra isso e você pode levar familiares, amigos e passar horas trocando ideia e saboreando as novidades. Esse bar é muito diferente e legal, eu achei o máximo ter tudo isso em um único local.
 
Bom, o Rock Bikers Bar é um bar e hamburgueria temático de Rock'n Roll e apresenta um cardápio com muitas opções, desde aperitivos até os hambúrgueres criativos, diferentes e um sabor inigualável. No cardápio você tem outras opções desde lanches até o frango empanado e a costela com batatas irresistíveis e crocantes. Quem assina o cardápio é o chef Henrique Mecciano.
 
7837a.jpg dee7.jpg
 
Segundo informações que obtive existe uma novidade criada pelo chef que é o Buell Lightning. Feito de hambúrguer artesanal de soja e legumes com 160 gramas no pão integral, acompanhado de cogumelos salteados, tomate seco, mix de folhas e pesto de manjericão, já o queijo é opcional. Bárbaro né! Opções diversas pra todos os gostos. Em minha degustação no Rock Bikers eu degustei o SUZUKI BANDIT - Hamburguer artesanal de 180 gramas, maionese especial Rock Biker's, queijo cheddar, cebola roxa caramelizada, bacon crisp e molho barbecue. Na sequência o AC/DC - Tenras coxinhas de frango empanadas e fritas ao estilo americano. Acompanhado pelos molhos Bufalo Red Hot e Ranch. Simplesmente deliciosas!.
 
 
Vá e comprove, eu adorei!