selo Anuncieaqui triplo

No images found.

#FORAPOVOBRASILEIRO

por Redação.

16/10/2017 21:07:00
 
25marco.jpg
 
O BRASIL virou uma baderna. Acabaram as leis, respeito, dignidade e ética então,nem falar.
 
O que estamos assistindo hoje é o reflexo da ignorância, do analfabetismo funcional e político, de um povo habituado a corrupção endêmica.
 
Um povo que elege corruptos e os idolatram a ponto de não enxergarem, suas mazelas.
 
Este povo que brada nas ruas FORA TEMER, é o mesmo povo que estaciona em vagas de idosos e deficientes, que vai para o super mercado com filho pequeno para usar a fila preferencial. Que trafega em alta velocidade em locais em que não existem radares, alertados pelo WAZE. Que trafega bêbado pelas ruas, matando e aleijando, trabalhadores e crianças.
 
O povo que entulha as ruas de latinhas de cerveja, garrafas vazias e pontas de cigarro atiradas ao "bel prazer', pelas janelas de seus automóveis.
 
O povo que atira nos rios, pneus, sofás, televisores, fogões e o que tiverem atrapalhando em suas casas.
 
O povo que não sabe dizer em qualquer estabelecimento 'bom dia,boa tarde, boa noite' e o tão esperado 'POR FAVOR' e 'OBRIGADO'.
 
O povo que grita para chamar o garçom e para na vaga da fármacia para buscar a pizza do outro lado da rua.
 
O povo que quando viaja carrega as toalhas,roupões,sabonetes e o que conseguir dos hotéis onde se hospedam.
 
Vergonha eu tenho deste 'POVO'.
 
Dizer que "DEUS É BRASILEIRO' é a maior idiotice que já ouvi. DEUS não pactua com safadeza,mentira,roubalheira para cidadão se dar 'BEM'.
 
Nossas autoridades não valem 'NADA" e as que valem são tripudiadas a cada dia por este bando de corruptos que tomaram a 'NAÇÃO'.
 
O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL, nos envergonha. Homens de toga, mais parecem urubus atrás de 'CARNIÇA' do que homens que deveriam dar o exemplo.
 
Diariamente somos obrigados a ouvirmos frases estapafúrdias de MINISTROS, como se nossos ouvidos fossem 'PINICOS', defendendo aquilo que consideram a 'VERDADE', enquanto rasgam a 'CONSTITUIÇÃO', para prevalecer a 'CORRUPÇÃO'.
 
Somos obrigados a assistirmos 'HORÁRIO ELEITORAL', tendo como atores principais 'RÉUS', que transformaram o 'PAÍS', nesta 'MIXÓRDIA' que vivemos.
 
Somos obrigados a assistirmos 'jornalistas' chamarem BANDIDOS,ASSASSINOS de 'SUSPEITOS' em nome dos Direitos dos 'MANOS'.
 
Este povo que grita 'FORA TEMER', de maneira compulsiva e quase doentia, esquece que também são protagonistas desta tragédia.
 
Por tudo isto é que eu grito #FORAPOVOBRASILEIRO.
 
Fora para aprenderem, educação,respeito,dignidade, ética.
 
Só quando o povo olhar para si mesmo e ver o que faz de errado, conseguiremos construir um Brasil melhor.

Você conhece arte?

por Luci Sciascia.

30/09/2017 17:53:00
 
Me abstive até hoje de dar minha opinião sobre a Exposição Queermuseu e a mais recente do MAM, onde um homem nú de bruços expõe suas nádegas para que uma menina passe a mão.
 
Á minha época quando nos deparávamos com algo inusitado dizíamos 'quer aparecer? pinte a b.nda de vermelho'.
 
Hoje a b.nda está mais popular do que 'andar para frente'. Usa-se a b.nda para protestar em cenas obcenas onde utilizam espaços públicos para defecar e urinar, como se as palavras e os verdadeiros atos de protesto tivessem se perdido no tempo e na história.
 
Pelos critérios de 'arte' que estamos assistindo me fez pensar quando deparei com o pedreiro trabalhando, que bela 'instalação' ele criou.
 
Ser artista é muito mais do que denegrir a verdadeira 'arte'. Estas pessoas que se auto proclamam 'artistas' para apresentarem este tipo de arte, nada mais são do que 'analfabetos' da arte, incapazes de empunharem um lápis,pincel, pastel para expressarem a verdadeira arte. Assim, como Brecheret e tantos outros escultores fantásticos que passam distantes da 'lei de incentivos', acostumada a dar espaço para este tipo de arte. Como o trabalho de minha amiga Ana Lúcia Pannain, escultora, na foto abaixo.
 
apannaim.jpg
Fernando Pessoa Ana Lúcia Pannain
 
Como artista plástica aquarelista que sou, primeira a ilustrar 'Fragmentos de poemas de Fernando Pessoa' em aquarela, com três livros editados, quero deixar meu protesto e dizer que este tipo de 'arte' não me representa.
 
Respeito a opinião de 'jornalistas' que tentam demonstrar sua cultura, referindo-se as esculturas de Michelangelo e Leonardo da Vinci para justificar este 'besteirol' explícito em nome d'arte, que sequer conhecem!
 
Não sou puritana nem hipócrita! 
 
O quê estamos assistindo em nome da 'liberdade de expressão' é o fim da moral, ética e bons costumes, que alicerçaram nossa sociedade até os tempos atuais.
 
Que prazer sente uma mãe em levar sua filha para passar a mão na b.unda de um estranho? Ou de pais e mães levarem seus filhos para verem fotos 'animalescas' numa exposição que jamais poderá se chamar de 'arte'!
 
A aberração vem quando verificamos meninas serem 'molestadas' 'estupradas' e 'mortas' por delinquentes. Quando assistimos crianças serem cooptadas através de redes sociais por pedófilos.
 
Agora, entendo!
 
Pais que levam seus filhos para passarem as mãos em b.undas alheias ou em exposições animalescas, dificilmente prestam atenção em seus filhos.
 
Quer falar de arte isenta de vulgaridade? 
 
Leve seus filhos ao MASP e vejam a exposição de Toulouse Lautrec. Aproveitem para visitar o acervo. Os levem ao Museu da Casa Brasileira. 
 
O Brasil é rico em obras de arte. Encontramos a céu aberto, esculturas de grandes mestres brasileiros espalhadas por todo o País. 
 
Agora, por favor, não venham defender e qualificar isto como arte.
 
Jean de La Bruyère diz em um de seus provérbios
 
'Há na pura amizade um prazer a que não podem atingir os que nasceram medíocres'.
 
E, eu digo que,
 
'Há na pura arte um prazer a que não podem atingir os que nasceram medíocres'.
 
PUNTO E BASTA!

O patético apoio do PT a Aécio Neves e a desmoralização política

por Redação.

27/09/2017 19:08:00
 
O PT mais uma vez demonstra sua total e irrestrita falta de respeito ao povo brasileiro em seu patético apoio ao afastamento de Aécio Neves.
 
bandbrasil1.jpg
 
Ao jogarem em cima de Aécio a responsabilidade dos demandos do PT no poder que levaram ao impeachment de Dilma Rousseff, preferem numa nota eivada de ódio e inverdades afirmar que "Aécio Neves é um dos maiores responsáveis pela crise política e econômica do país e pela desestabilização da democracia brasileira. Derrotado nas urnas, insurgiu-se contra a soberania popular e liderou o PSDB e as forças mais reacionárias da política e da mídia numa campanha de ódio e mentiras, que levou ao golpe do impeachment e à instalação de uma quadrilha no governo".
 
Este é o PT de Lula, que continua mentindo e colocando a culpa em cima de Marisa Letícia, quando afirmam que "Vítimas são as brasileiras e brasileiros que sofrem com o desemprego, a recessão, o fim dos programas sociais e a volta da fome ao país, sob o governo de que Aécio Neves é fundador e cúmplice".
 
Se nos reportarmos a 1989 quando o PT levou para as ruas os "Caras Pintadas" hoje representado no Senado por Lindbergh Farias, que levou ao impeachment de Collor, apenas por uma Elba, podemos dizer que também foi um golpe, por Lula ter perdido a eleição?
 
A recusa do PT em assinar a Constituição de 88, ser contra o Plano Real, também não pode nos sugerir que chegamos a atual situação, pelo desrespeito do PT as leis e ao desmonte do Real por suas irresponsabilidades fiscais?
 
Hoje o povo brasileiro começa a conhecer a verdade dos bastidores dos governos "PETISTAS" através de Antonio Pallocci, que ao contrário do que afirmam os líderes petistas, preferiu mostrar a sujeira endêmica que tomou conta de Lula e seus comparsas.
 
Ignoram os 13 milhões de brasileiros desempregados, aumento da inflação, desestabilização da moeda, "heranças deixadas pela era petista", culpando o atual governo que as "duras penas" está conseguindo colocar a economia nos trilhos.
 
Continuam a bater na mesma tecla do golpe, para isto não economizam em frases ditatoriais.
 
Trabalharam nos bastidores junto com Janot para desestabilizar o governo e impedir as reformas que nos levariam a um outro patamar.
 
Janot manteve na "gaveta" as denúncias contra Lula e Dilma, mas usou de ma fé aceitando delações de dois bandidos, delações estas altamente "premiadas", em troca de uma gravação de Temer sem a devida perícia, para depois com a cara mais "deslavada" desfazer o acordo pedir a prisão dos "bandidos", mas manter as provas cheias de vícios e contradições, referendadas pelo STF a fim de jogar para a plateia.
 
Esta "brincadeirinha" de Janot está custando um ano de retrocesso nas reformas, tempo suficiente para Lula,PT e a esquerda do quanto pior melhor, se reorganizarem.
 
Vivemos hoje este "Estado de Bandidagem", implantado desde que o PT e Lula começaram a concorrer as eleições presidenciais que finalmente o levaram ao poder em 2002. Desde 2002 o Brasil continua sem respostas para as mortes de Celso Daniel, Toninho do PT em Campinas, assim como todas as testemunhas que foram mortas.
 
Os braços da corrupção petista encontra força em seus apaniguados que servem como escudo. As invasões de terras praticadas pelo MST nas zonas rurais, os movimentos sociais invadindo prédios e moradias orquestrados por Guilherme Boulos, assim como o fortalecimento do crime organizado em todas as esferas. O desmonte do Rio de Janeiro liderado por Sérgio Cabral. Os mais de 16.000 sindicatos que vivem do dinheiro do trabalhador para promoverem passeatas e paralizarem as grandes cidades, deixaram o Brasil sem 'educação','saúde','saneamento básico' 'transporte' e o transformaram numa "Pátria da Bandalheira". 
 
Isto jamais pode ser chamado de "Estado de Direito", por ninguém!
 
Claro, vão dizer que isto sempre aconteceu. Concordo, mas não com este tamaho. Se fizermos uma pesquisa verificaremos para nossa tristeza que no máximo 20% da população brasileira, não é 'corrupta'. Haja visto, o que temos presenciado em todos os setores. Pessoas que desrespeitam as leis, aproveitando qualquer oportunidade para levar alguma 'vantagem'.
 
Por isto, que este povo continuará votando em corrupto, não sabem distinguir o certo do errado, e não possuem senso moral e ético.
 
O Brasil levará 50 anos para se recuperar da era petista, até lá o Brasil seguirá caminhando a passos lentos.

A CONSTITUIÇÃO DOS DELINQUENTES 'TRESLOUCADOS OU MALUCOS' GENERAL?

por Luci Sciascia.

City Portal
24/06/2017 14:05:00
 
A entrevista do General Eduardo Villas Bôas afirmando que só 'tresloucados' ou 'malucos' civis cobram a intervenção do exército no caos que estamos vivendo, nos remete ao artigo 142 da Constituição, feita pelos egressos terroristas que provocaram a 'intervenção de 64'.
 
bandbrasil1.jpg
 
O artigo 142 não apenas restringiu as atividades das Forças Armadas como também a subordinou ao Presidente da República, destinando-a à defesa da Pátria, à garantia dos poderes constitucionais e, por iniciativa de qualquer destes,da lei e ordem.
 
Ou seja os senhores do 'poder' que governaram este País após o governo militar, engessaram de tal forma o exército, punindo com seu desaparelhamento e desmonte através de cortes de verbas para a defesa inclusive de nossas fronteiras para  garantirem  nossa segurança e soberania do território nacional.
 
Temos hoje um exército apático e combalido às ordens da esquerda que governa o Brasil desde sua democratização.
 
Qualquer brasileiro em sã consciência assisti diariamente o desmonte das 'instituições' o desrespeito a 'constituição' o avanço do 'crime organizado' através de facções de traficantes de droga que de dentro de presídios impõem regras de 'direito de ir e vir' invadindo centros urbanos com seus ' zumbis amestrados' colocando em risco a ordem e desafiando autoridades.
 
Este 'poder' emana do Senado, Congresso Nacional e Presidência da República incapazes de criarem leis que punam com rigor o avanço deste 'terceiro poder'.
 
Assistimos a guerra entre poderes no Senado Federal onde Renan Calheiros que responde a nada menos do que 12 inquéritos na Lava Jato ter a cara de pau junto com seus seguidores de barrar numa comissão a Reforma Trabalhista e por outro lado enterrando junto com outros algozes da Pátria a Reforma da Previdência.
 
Assistimos consternados a postura do STF, cuja maioria dos ministros foram nomeados pelo PT, tentar barrar as investigações da Lava Jato para defender seus 'cumpanheiros'.
 
Assistimos diariamente movimentos sociais e centrais sindicais promoverem o caos nas grandes cidades para defenderem suas 'mamatas', impedindo o direito de ir e vir dos cidadãos que ainda conseguem ter emprego neste País devastado de tanta corrupção.
 
Se isto tudo General Villas Bôas soa ao seus ouvidos como brasileiros 'tresloucados e malucos', sinto informar ao senhor que as Forças Armadas constitui hoje a última chance de resgatar nossa cidadania e direitos.
 
A 'Constituição dos Delinquentes' garantiu 'ad eterno' a corrupção e a impunidade.
 
Por isto, General Eduardo Villas Boas, engessaram as 'Forças Armadas", para garantir o Foro Privilegiado, a ascenção ao STF de próceres da política espúria, comandada por políticos corruptos. Se cercaram de todas 'garantias constitucionais' para realizarem o 'sonho comunista' 
 
A Constituição dos Delinquentes permitem que senadores e deputados hajam na calada da noite para acabar com a Operação Lava Jato, sem a qual o povo brasileiro continuaria a viver na ignorância dos desmandos e roubos desta quadrilha criminosa que se apossou do poder, com a conivência de generais das Forças Armadas, empossados pela quadrilha.
 
Graças a 'Constituição dos Delinquentes' Mário Covas em São Paulo acabou com a Polícia Militar, plano este até hoje mantido por seu sucessor Geraldo Alckmin, garantindo o crescimento do crime organizado. Leonel Brizola deu de presente aos traficantes os morros do Rio de Janeiro, de onde hoje dominam a cidade maravilhosa.
 
Estas foram apenas algumas citações do retorno dos 'lixos humanos' ao Brasil, sem contar com o absurdo de termos uma ex-terrorista e assassina como Presidente do Brasil, DILMA ROUSSEFF.
 
O maior erro da 'Intervenção de 64' ou a 'Revolução sangrenta' propalada pela esquerda brasileira, foi não ter realmente exterminado com aqueles que queriam implantar um regime comunista, que o povo brasileiro jamais aceitará.
 
Impedir que novas lideranças políticas pudessem nascer e trazer de volta ao Brasil todo este 'lixo humano' que trataram de fazer uma nova constituição que os garantisse no poder.
 
Isto General Villas Bôas foi o resultado da 'Constituição dos Delinquentes', para os ladrões e corruptos TUDO, para o povo NADA.
 
Mas, o povo ora povo, quem se importa não é? Contanto que continuemos a pagar nossos impostos para garantir o roubo e a corrupção.
 
VIVA O BRASIL!!!

Reforma Política? Não, Reforma Eleitoral

por Luiz Felipe Rangel Aulicino.

A Reforma Política colocada em plenário à toque de caixa pelo Presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) só pode ser uma brincadeira de mal gosto.
 
reformapolitica1.jpeg
 
Primeiro, porque, definitivamente, não pode ser chamada de Reforma Política. Segundo, pois, atropela o Regimento Interno da casa parlamentar e todo o regular processo legislativo.
 
Quando muito, com boa vontade, pode ser nominada de Reforma Eleitoral, nunca Reforma Política.
 
A segunda pressupõe um amplo debate da socidade, a discussão acerca do Sistema de Governo, forma do Estado, revisão do pacto federativo.
 
Nesse ponto (e só nesse ponto) sou obrigado a concordar com muitos parlamentares.
 
Cunha quer jogar para a torcida e, para isso, coloca um arremedo de reforma, parado no Congresso há anos.
 
E razão deve haver para ter ficado parado por muito tempo. Certamente, um dos motivos é o fato do projeto ser muito ruim. Demonstração disso foi a necessidade de Eduardo Cunha retirá-lo da CCJ e dar a relatoria do Projeto para Rodrigo Maia (DEM-RJ).
 
Não acho, contudo, que haja razão para levar o tema ao Supremo Tribunal Federal. Descabido. Seria uma ingerência de um Poder sobre o outro e somente havendo um Lewandovski neste segundo é possível imaginar uma situação sui generis dessas.
 
Aumentar mandatos, diminuir mandatos, eleições somente de 5 em 5 anos. Meu Deus! Que lambança Cunha.
 
Em uma democracia tão embrionária como a nossa, sem sombra de dúvidas, há necessidade de irmos às urnas de 2 em 2 anos, sim! Só desta forma é capaz do povo brasileiro aprender a exercer seu direito de votar e fazê-lo bem feito um dia.
 
Portanto, não se deixe enganar! O que estão discutindo no Parlamento Brasileiro é uma simples reforma eleitoral (simplória, ouso a dizer), nada além disto. Se outra coisa fosse, certamente, parlamentares como Cunha correriam sérios riscos em suas próximas tentativas de retornar ao Planalto Central o que, tenho convicção, não interessa a nenhum dos 513 Deputados e 81 Senadores.